Atlético Goianiense   Atlético Mineiro   Atlético Paranaense   Avaí   Bahia   Botafogo   Chapecoense   Corinthians   Cruzeiro   Curitiba   Flamengo   Fluminense   Grêmio   Palmeiras   Ponte Preta   Santos   São Paulo   Sport   Vasco   Vitória   ABC   América Mineiro   Boa Esporte   Brasil - RS   Ceará   CRB   Criciuma   Figueirense   Goias   Guarani   Internacional   Juventude   Londrina   Luverdense   Náutico   Oeste   Paraná   Paysandu   Santa Cruz   Vila Nova  

Real Ariquemes se beneficia com o novo regulamento da Copa do Brasil

 
02/12/2017 13h22, Assessoria CBF
 
20 Não haverá mais o gol qualificado fora de casa. (Foto: Rodrigo Rodrigues/CBF)
Não haverá mais o gol qualificado fora de casa. (Foto: Rodrigo Rodrigues/CBF)

A CBF elaborou o Regulamento Específico da Competição (REC) da Copa do Brasil 2018, com todos os detalhes para a disputa da próxima edição. O formato foi mantido, mas o documento traz uma grande novidade: Não haverá gol qualificado em nenhuma das fases. Ou seja, os gols marcados na casa do adversário não valem mais como critério de desempate.

– Esse tema está em análise há algum tempo. Levamos em consideração as opiniões dos clubes, técnicos, jogadores e profissionais envolvidos no universo do futebol. Diante do sucesso da Copa do Brasil e de sua importância crescente, entendemos que a melhor decisão seria padronizar a questão do gol qualificado, promovendo maior equilíbrio técnico – explicou o diretor de Competições da CBF, Manoel Flores.

O campeão Rondoniense 2017, estreia na Copa do Brasil dia 31 de janeiro,  ainda não aconteceu o sorteio, somente após o encerramento da Copa Sul Americana que o Real Ariquemes conhecerá o seu adversário. 

Outra mudança

Atendendo aos pedidos dos clubes, a data limite para inscrição de jogadores foi ampliada na Copa do Brasil. O prazo deste ano foi o dia 24 de abril. Em 2018, as equipes poderão receber novos atletas até 30 de julho, antes das Quartas de Final.

Ainda que o Regulamento Específico esteja sendo divulgado nesta sexta-feira (1º), todos os participantes da competição serão conhecidos após a conclusão do Brasileirão – Série A e da Copa Sul-Americana, pois os resultados influenciam no Ranking da CBF, que é base para definição de clubes classificados e sorteio dos confrontos.

Prêmio recorde

Em termos de premiação por desempenho, a Copa do Brasil será  a principal competição a partir de 2018.  Serão R$ 50 milhões destinados ao campeão, outros R$ 20 milhões ao vice-campeão, R$ 8 milhões aos clubes semifinalistas, além de R$ 4 milhões pela participação nas quartas de final, valores sem precedentes na América do Sul.

Somando as cotas das fases anteriores ao prêmio pelo título, o campeão pode faturar até R$ 68,7 milhões, considerando que participe desde a primeira fase.

 

/comentários

O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

/notícias relacionadas

• Timão vai renovar com ex-artilheiro da Copinha Gabriel Vasconcelos
• Presidente Heitor Costa faz Balanço das competições deste ano
• ARLER: TRAZ MUDANÇAS PARA 2018 RESOLUÇÃO DA PRESIDÊNCIA

Compartilhe você também:

Contato: Jornalista Alexandre Jabá - DRT 1357 Telefone/Whatsapp: (69) 98487-3042 ou pelo e-mail: alexandrejaba1@gmail.com

© 2017 - Todos os direitos estão reservados - Real Ariquemes se beneficia com o novo regulamento da Copa do Brasil - Plantão Esportivo - A notícia em 1º lugar

Quem somos | Política de Privacidade | Fale conosco