América Mineiro   Atlético Mineiro   Atlético Paranaense   Bahia   Botafogo   Ceará   Chapecoense   Corinthians   Cruzeiro   Flamengo   Fluminense   Grêmio   Internacional   Palmeiras   Paraná   Santos   São Paulo   Sport   Vasco   Vitória   Atlético Goianiense   Avaí   Boa Esporte   Brasil - RS   Coritiba   CRB   Criciuma   CSA   Figueirense   Goias   Guarani   Juventude   Londrina   Oeste   Paysandu   Ponte Preta   Sampaio Corrêa   Santa Cruz   São Bento (SBN)   Vila Nova  

De portões fechados, torcida do Furacão assiste jogo em cima do muro

 
Venceu de virada, assumiu a liderança da chave na Série D, arrancou 2 a 1 em cima do grande Leão da
30/04/2018 12h44, Lívia Costa/Globoesporte.com
 
20 Torcedores buscaram um jeitinho para ver o jogo enter Real e Nacional (Foto: Franciele do Vale)
Torcedores buscaram um jeitinho para ver o jogo enter Real e Nacional (Foto: Franciele do Vale)

A festa da vitória! Comemoração do Furacão do Vale do Jamari, que em meio ao silêncio da arquibancada, venceu o Nacional-AM, por 2 a 1. O jogo que aconteceu no domingo, 29, e não contou com o calor do 12º jogador, mas teve gente que deu um jeitinho para espiar.

Os portões fechados do estádio Gentil Valério, em Ariquemes foi por determinação da Diretoria de Competições da Confederação Brasileira de Futebol. Os portões fechados foi acatado em conformidade com a decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), a respeito do processo 076/17, julgado no dia 17 de julho de 2017. Na ocasião, o torcedor do Real agrediu o delegado da partida.

Mas, para quem acompanha um time e torce por ele, qualquer lugar vira arquibancada, do sofá de casa ao muro do estádio, e teve gente que ficou mais de 90 minutos “assistindo”, pela brecha na bilheteria do estádio.O Real Ariquemes abriu o Campeonato Brasileiro Série D com empate. Encarou pela primeira rodada o São Raimundo do Pará. Nesta segunda fase da competição, venceu o Nacional do Amazonas e assumiu a liderança da chave A3.

Para Rafael o autor do gol da virada, que deu a vitória ao Real, Leleco, a falta da torcida foi sentida pelos jogadores.

Pelo Campeonato Rondoniense, o Real enfrenta na quarta-feira, 2, o Barcelona, no estádio Gentil Valério, palco da vitória do Furacão, em cima do Leão da Vila. A partida é válida pela sétima e última rodada do returno do estadual.

 

Franciele do Vale (Foto: Tudo é válido para ver o time em campo)
Franciele do Vale (Foto: Tudo é válido para ver o time em campo)

Fiel ao Furacão, Antônio Torneirinho lamentou ficar fora do campo neste domingo, e ressaltou que está feliz com a vitória, mas a partida não teve a alma.

- Eu acompanho tudo do Real, não falto nenhum jogo, esse eu não tive como assistir, fiquei muito triste. Ganhamos, isso é muito importante, mas eu sei que essa partida não teve alma. Eu até que tentei dar um jeito para espiar.

Antônio ainda explica que o Furacão faz bem para a sua saúde e as atividades físicas ficam em dia, quando no Valerião vai assistir o Real jogar.

- Eu corro muito durante o jogo, vou subindo e descendo com o time, gritando, dando força e quando o gol sai, sinto que a realização também é minha. Agora eu vou focar no último jogo do segundo turno do estadual para correr e gritar muito.

 

/comentários

O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

/notícias relacionadas

• Torcida organizada do Palmeiras em RO promovem festa do Dia das Crianças
• CBF divulga calendário para temporada 2019
• O ariquemense "Pé Quente" Alex Matos esteve na Arena do Verdão no Derby

Compartilhe você também:

Contato: Jornalista Alexandre Jabá - DRT 1357 Telefone/Whatsapp: (69) 98487-3042 ou pelo e-mail: alexandrejaba1@gmail.com

© 2018 - Todos os direitos estão reservados - De portões fechados, torcida do Furacão assiste jogo em cima do muro - Plantão Esportivo - A notícia em 1º lugar

Quem somos | Política de Privacidade | Fale conosco