América Mineiro   Athletico Paranaense   Atlético Goianiense   Atlético Mineiro   Bahia   Bragantino   Ceará   Chapecoense   Corinthians   Cuiabá   Flamengo   Fluminense   Fortaleza   Grêmio   Internacional   Juventude   Palmeiras   Santos   São Paulo   Sport   Avaí   Botafogo   Brasil - RS   Brusque   Confiança   Coritiba   CRB   Cruzeiro   CSA   Goias   Guarani   Londrina   Náutico   Operário-PR   Ponte Preta   Remo   Sampaio Corrêa   Vasco   Vila Nova   Vitória  
 
Radio 4

Delegada-esportista se apaixona pelo futevôlei e afirma: "Representa uma parte da minha vida"

 
Fabiana Moreira não deixa de separar tempo para a prática de esportes. Trabalha em Rondônia
28/10/2021 17h27, Juan Rodrigues GE
 
20 Dra Praticando futvôlei no condomino aonde ela mora (Foto: Arquivo Pessoal)
Dra Praticando futvôlei no condomino aonde ela mora (Foto: Arquivo Pessoal)

A delegada Fabiana Moreira, de 42 anos, é apaixonada por esporte. Entre a rotina exaustante de policial e a família, ela divide o tempo com a prática de exercícios físicos. E, atualmente se encontrou no futevôlei. Ao ge.globo/ro, ela contou que sempre foi incentivada a praticar esportes pela família. E tenta perpetuar isso para os filhos.

- Representa uma parte da minha vida. Eu sempre pratiquei esportes. Desde de pequena, minha mãe sempre me colocou no kung Fu, natação, corrida, isso desde cedo. Devido a meu pai, Célio de Oliveira, também ter sido jogador de futebol do Vasco, desde cedo tive esse contato. É algo muito forte. É algo que já faz parte de mim. Eu tento transmitir isso também pros meus filhos e eles gostam muito de esporte. Eu acho assim que a gente tem sempre que dar o exemplo. Não adianta eu falar em fazer esporte se eu não faço. Em tudo na vida a gente tem que dar exemplo – afirmou ao ge.globo/ro.

Como toda boa esportista, Moreira gosta de desafios. E, ao conhecer a complexidade do futevôlei, decidiu aderir a prática.

- Futevôlei é algo que sempre me atraiu por causa da dificuldade. Eu sempre pensei assim: que quem jogava futevôlei é porque já sabia jogar futebol e um pouquinho de vôlei. Mas eu considero um esporte difícil. É muita repetição e treino até se conseguir jogar. Hoje consigo aprender cada dia mais com o esporte. A quadra é ampla, são só duas pessoas em trocação, tem que dar apenas três passes. Ou seja, é completo. Estou aprendendo tudo agora e gostando do desafio – afirmou.
 

Fabiana conheceu o esporte através da vizinhança do condomínio onde vive. Ao ouvir sobre as aulas no local, ela entrou em contato com os professores. Hoje, há uma turma no local que frequenta a quadra com o objetivo de praticar o esporte.

– No meu condomínio tem essa estrutura de quadra de areia e de vôlei de praia. Tem muitas pessoas que praticam. Ao ouvir, fui atrás do professor Gleydson que é o responsável. Aí ele vai lá e dá aula para mim e para outros vizinhos. É uma modalidade nova. Dizem estar na moda. Mas, esse não é o caso. Faço porque gosto. Eu faço se eu gosto. Se eu quero e acho interessante, e acredito que vai ser bom pro meu corpo, vou atrás. E assim, a areia sempre é bom para fortalecer os músculos da perna. Você faz um esforço muito maior na areia do que no asfalto, ou em qualquer outro lugar. Além de tudo, ainda pratico crossfit – frisa.

 

Delegada Fabiana em ação  (Foto:  Jheniffer Núbia)
Delegada Fabiana em ação (Foto: Jheniffer Núbia)

Mas, com a rotina agitada, é necessário disciplina para que tudo possa ser feito com excelência.

- É a minha rotina de sempre. Se eu não fosse para o futevôlei, eu iria para o crossfit, pra musculação. Vou trabalhar, volto pra casa, cuido de filhos, depois treinar. Acho que todo mundo tem de ter essa rotina de esporte. Tem que fazer parte da sua vida. Não tem que ser uma obrigação. Tem que ser o algo que você vê resultado, que você está ali se divertindo, liberando neurotransmissores no seu corpo e é algo assim que me faz tremendamente bem – finaliza.

 

Fabiana praticando futevôlei  (Foto: Arquivo Pessoal)
Fabiana praticando futevôlei (Foto: Arquivo Pessoal)

 

Fabiana (última à direita) realizando treinamento de futevôlei com as amigas  (Foto: Arquivo Pessoal)
Fabiana (última à direita) realizando treinamento de futevôlei com as amigas (Foto: Arquivo Pessoal)

 

 

/comentários

O comentário não representa a opinião do jornal; a responsabilidade é do autor da mensagem.

/notícias relacionadas

• Abertura do Estadual de Motocross em Ariquemes bateu recorde de público
• Real Ariquemes conquista o título de Campeão Rondoniense 2022
• Real lidera a Seleção do Campeonato Rondoniense 2022

Compartilhe você também:

Contato: Jornalista Alexandre Jabá - DRT 1357 Telefone/Whatsapp: (69) 98487-3042 ou pelo e-mail: alexandrejaba1@hotmail.com

©2022 - Todos os direitos estão reservados - Delegada-esportista se apaixona pelo futevôlei e afirma: "Representa uma parte da minha vida" - Plantão Esportivo - A notícia em 1º lugar | CNPJ.: 41. 193. 592/0001-92

Quem somos | Política de Privacidade | Fale conosco